NÃO VAMOS JULGAR

NÃO VAMOS JULGAR

Antes de julgares a “minha vida” ou meu “caráter”…
Calça os meus sapatos e percorre o caminho que eu percorri,
e vive as “minhas tristezas”,
as “minhas dúvidas”,
“as minhas alegrias!”

Percorre os anos que eu percorri,
tropeça onde eu tropecei
e levanta-te, assim como eu o fiz.

Cada um tem a sua própria história!
E então, só assim poderás “julgar-me”!

Mário Quintana

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *